CAIXINHA DE CULTURA - A não perder...

Arte e Cultura? Não hesites! Entra já em...CASTINGSTARS - Comunidade de Artistas Portugueses http://www.castingstars.ning.com

COFFEEPASTE - se és artista e procuras trabalho...
http://coffeepaste.blogspot.com/

PORTAL CRONÓPIOS - onde escritores e artistas se expressam no seu todo. Leia, veja os vídeos, oiça entrevistas em
http://www.cronopios.com.br

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Letras: Chimamanda Ngozi Adichie

 Sequência do brilhante discurso de Chimamanda Adichie.
Fonte: Youtube (video on TED.com)

Chimamanda Ngozi Adichie, escritora. Nasceu na Nigéria, em 1977.

Por detrás da beleza exótica existe uma mulher inteligente, dinâmica, que seduz com a sua escrita comovente e de indubitável qualidade, refletindo nos seus poemas, contos e romances, o calvário do seu povo, vítima de conflitos étnicos, religiosos e culturais e as dificuldades da imigração na Europa e Estados Unidos; e relembra o holocausto que foi o extinto Biafra (sudeste da Nigéria, 1967-1970), anos antes do seu nascimento. Contudo, as suas histórias plangentes são plenas de criatividade e nostálgica beleza.
Em público, Chimamanda Adichie é simplesmente deslumbrante pela sua capacidade discursiva.

A residir nos Estados Unidos desde os 19 anos, onde obteve dois mestrados, respetivamente em Escrita Criativa (Universidade de Johns Hopkins - Baltimore) e em Estudos Africanos (Universidade de Yale), é uma forte referência no panorama internacional, pois a sua obra encontra-se traduzida em mais de trinta idiomas, sendo detentora de várias distinções e prémios literários.

A sua projecção teve início em 2002 com a publicação dos seus contos, que lhe valeram o galardão da BBC Short Story Competition, e em 2003 o Henry Short Story Prize.

Em 2004, A Cor do Hibisco, seu primeiro romance, foi distinguido com o Hurston/Wright Legacy Award, o Orange Broadband Prize e nomeado para o Man Booker Prize. Em 2005 ganhou o Commonwealth Writer’s Prize. O Segundo romance, Meio Sol Amarelo venceu em 2007 o Orange Broadband Prize, o Anisfield-Wolf Book Award, e o PEN ‘Beyond Margins Award.

Ambos os romances foram editados em Portugal pela editora ASA.

Esta talentosa escritora foi ainda distinguida com o Future Award na categoria de Jovem do Ano, em 2008 e uma bolsa da MacArthur Foundation, atribuída a ‘génios’ da literatura.

Com outros romances recentemente publicados, figura no 'The New Yorkers 20 under 40', concurso promovido pelo The New Yorker (um dos mais reputados jornais americanos), entre os 20 melhores jovens autores seleccionados por uma conceituada equipa de peritos no mundo das artes, das letras e das ciências.

Atualmente vive entre os Estados Unidos e a Nigéria, colaborando com o seu país no âmbito cultural.

Maria Dhramamor

Fonte:
The Chimamanda Ngozi Adichie Website
www.wook.pt./autores
The New Yorker – November 3, 2010
http://www.missioni-africane.org/

1 comentário:

Alice Pontes disse...

Li o livro e gostei. Parabéns pelo artigo!